O vídeo Beatas marca o nascimento do colectivo Ecocriativos em Portugal, o qual visa provocar reflexões que aproximam o tema da sustentabilidade das coisas mais simples do dia-a-dia. A campanha foi apresentada no “IULCOME”, evento que dá as boas-vindas aos novos alunos do ISCTE, assinalando a importância de cada um fazer o seu papel por um mundo melhor
POR SORAHYA SACRAMENTO E VINÍCIUS DIAS

Lisboa é uma cidade encantadora e repleta de belezas que atraem turistas do mundo inteiro. Mas para além do imponente Mosteiro dos Jerónimos, da singela Torre de Belém ou dos miradouros que revelam diferentes cartões postais para moradores e visitantes, há algo preocupante que também está muito presente na paisagem: as beatas de cigarros.

Disputando espaço com as tradicionais pedras portuguesas, espalhadas pelo chão, as beatas representam um risco para o meio ambiente graças à quantidade de substâncias tóxicas presentes na sua composição. Mas isso não é um caso particular de Portugal – há inúmeros países no mundo que convivem com a mesma questão ligada a este tipo de resíduo.

Dentro do conceito de sustentabilidade como um organismo vivo com o qual interagimos e do qual fazemos parte é inevitável não pensar nas consequências desse descarte em locais desapropriados. A partir dessa ideia, o grupo Ecocriativos lançou um vídeo que reflecte sobre um caminho cíclico das beatas mal descartadas, que podem acabar por voltar para o quotidiano do utilizador, seja ele agente directo ou indirecto de consumo de cigarros. É exactamente para isto que queremos sensibilizar: para a forma como tudo o que é mal descartado pode voltar para as nossas vidas.

O grupo Ecocriativos nasce com a vocação de tratar, de forma criativa e lúdica, o tema SUSTENTABILIDADE, assim mesmo com letras maiúsculas, e para provocar reflexões que aproximam o assunto das coisas mais simples do dia-a-dia. Afinal de nada adianta desejar um mundo melhor ou uma vida mais saudável, se não fizermos a nossa parte.

[quote_center]O mais importante é reflectir como uma tarefa colectiva[/quote_center]

O vídeo Beatas, que marca o nascimento deste colectivo em Portugal, foi apresentado num importante evento de boas-vindas aos novos alunos do ISCTE: o “IULCOME”. Foi uma oportunidade ímpar de trocar ideias com os recém-chegados sobre a importância de fazerem o seu papel.

O evento contou com diversas actividades e os participantes interagiram a partir de um game, que tanto teve o objectivo de apresentar as instalações da universidade, como provocar reflexões sobre a sustentabilidade. Os ‘caloiros’ foram divididos em equipas e tiveram, entre outras, a missão de propor projectos para as instituições portuguesas, sempre com foco no tema em questão. O grupo vencedor do concurso foi justamente o que tratou sobre o descarte das beatas e apresentou propostas para reciclagem deste resíduo. Mas vale a pena ressaltar que, independentemente do resultado, todos saíram vencedores – afinal de contas, o mais importante é reflectir como uma tarefa colectiva.

E isto foi só o começo. O colectivo Ecocriativos pretende mobilizar instituições de ensino, empresas e a sociedade civil, de maneira geral, para pensarem juntas soluções criativas para um mundo mais sustentável. O nosso trabalho pode ser acompanhado nas redes sociais:

Instagram | Facebook | Youtube

1 COMENTÁRIO

  1. Muito útil a ideia criativa para o despertar da consciência sobre algumas atitudes cotidianas!
    Parabéns!!

Comments are closed.