Sete regras morais (supostamente) partilhadas pela Humanidade

0
Ajudar a família. Ajudar o grupo. Retribuir favores. Ser corajoso. Ter respeito pelos superiores. Dividir os recursos de forma justa. Respeitar a propriedade dos...

A felicidade encontra-se, geralmente, na estrada menos caminhada

0
Há muito tempo que nos habituámos a seguir um ideal de sucesso que exige que sejamos iguais aos outros, só que melhores. Esta fórmula,...

Mulheres ganham “um bocadinho” mais de direitos

De acordo com um estudo elaborado pelo Banco Mundial e que analisou 131 economias de acordo com oito grandes indicadores, as mulheres estão a...

Trabalhadores infelizes e tratados como ratos de laboratório

0
Somos ratos de laboratório e a culpa é de Silicon Valley. Muito sumarizado, este é o principal argumento do mais recente livro publicado pelo...

Pessoas activamente religiosas são mais felizes?

0
Numa palavra, sim, e tendo em conta um estudo abrangente realizado em 35 países pelo Pew Research Center. E não só mais felizes, como...

Barómetro de Confiança: o “meu empregador” é o mais credível

0
É o resultado que mais se destaca no Edelman Trust Barometer 2019, que avalia os níveis de confiança global nas diferentes instituições que compõem...

Sem bola de cristal, o que reserva 2019 às empresas?

0
Enquanto agentes cada vez mais influentes na sociedade, que principais reptos se colocam às empresas neste novo ano? Da presença crescentemente ubíqua da inteligência...

A cadeira vazia do Prémio Sakharov

Chama-se Oleg Sentsov, encontra-se preso na Sibéria, foi acusado de actos de terrorismo e condenado a 20 anos de encarceramento, tendo estado em greve...

Conciliação é “um compromisso colectivo”

0
Denomina-se Programa 3 em Linha e foi apresentado recentemente pelo Governo com o intuito de “promover um maior equilíbrio entre a vida profissional, pessoal...

O propósito e os arquitectos do bem comum

0
“Unificar temáticas que conferem significado ou propósito às nossas actividades diárias mas também aos que trabalham connosco ou para nós” e torná-las extensíveis às...

COM O APOIO DE:

Parceiro Gulbenkian