“Donos da ética” nas empresas tecnológicas vivem em tensão permanente

O desafio principal para estes donos da ética reside no facto de terem de se posicionar numa batalha em que, por um lado, é necessário terem atenção às pressões externas para responderem às crises éticas e, por outro e em simultâneo, terem de responder à lógica interna das suas empresas e indústria

Os desafios da 4ª Revolução Industrial na Empregabilidade e no apoio às Pessoas Vulneráveis

“Enquanto a eficiência humana, social e organizacional tende a melhorar com a quarta revolução industrial, a liberdade humana necessita ser mantida, com especial atenção sobre as novas questões éticas que se levantam”

Futuro das profissões: o que eles vão ser quando forem grandes

“Os sistemas cada vez mais capazes irão provocar transformações no trabalho que se assemelharão ao impacto da industrialização nos ofícios tradicionais”

Como é que a tecnologia pode promover a ética?

A tecnologia ao serviço da ética foi o tema abordado no mais recente Fórum de Ética da Católica Porto Business School

Internet faz 50 anos. Como será o próximo meio século?

Muitos especialistas encaram o futuro da Internet com optimismo. Mas tal só será possível se forem feitas reformas que permitam uma melhor cooperação, segurança, direitos fundamentais e justiça económica

Entrevista com o robot

À medida que a revolução tecnológica avança e o número de candidaturas a emprego aumenta significativamente, os empregadores estão crescentemente a remover os humanos dos processos de selecção e recrutamento, confiando cada vez mais nas máquinas para o fazer.

“Ciber-tropas” cada vez mais sofisticadas em propaganda online

A utilização de propaganda “computacional” que visa moldar as atitudes públicas através dos media sociais está a tornar-se numa prática comum em muitos governos mundiais e a ir bem mais além do que acções isoladas por parte de actores perniciosos

Vida digital: o direito de esquecer e de ser esquecido

No mundo digital em que vivemos, tudo é minuciosamente documentado, etiquetado, partilhado e qualquer coisa, a qualquer momento, pode emergir no presente, mesmo que, e supostamente, devesse ter ficado no passado.

Como as tecnologias alteram as nossas emoções

“A tecnologia, por si só, não determina os sentimentos, mas a cultura alargada, da qual a mesma faz parte, decerto que os molda”, afirmam os autores de Bored, Lonely, Angry, Stupid

A tecnologia é apenas parte da história da transformação digital

Numa estratégia digital, o desafio mais premente poderá ser a alteração da cultura da organização para que esta seja mais adaptável à mudança

Luis Cabral: “A justiça social vai muito para além da criação...

“O Estado Social do Século XX — em Portugal e em muitos outros países — encontra-se em situação de ruptura. Tudo isto aponta para a necessidade urgente de um novo modelo de solidariedade”

Rede Sociais

4,059FansCurti