“As ideias de pertença ao grupo são um farol para todos os colaboradores”, afirma...

0
“Preservar a história é fundamental para a aprendizagem com o passado para os bons exemplos a que felizmente se pode deitar mão para aprender no futuro”

“Começam a surgir perspectivas sobre o capitalismo moral”

0
O debate sobre os limites morais da economia de mercado “é essencial, não para nos fecharmos à sua lógica, mas para, ponderando e discernindo,...

“É claro que o país não está ‘em moratória’”, defende Paulo Macedo

0
“Uma forma de contribuirmos para sair desta crise é sermos uma liderança que corresponda ao que as pessoas sentem neste momento”

Liderar para transformar segundo Santo Inácio de Loyola

“Há que ter clareza quanto ao fim, clareza quanto aos meios, clareza quanto à liberdade e clareza quanto ao que, de alguma maneira, se aceita suportar fruto dessa mesma liberdade”

“Os desafios da Encíclica Fratelli Tutti”

0
“Para responder à pergunta quem é o meu próximo?, será preciso percorrer, tanto a via curta dos encontros pessoais, como a via longa das mediações institucionais. Como verdade da intenção e do acto de se fazer próximo está a caridade”. As palavras são do P. José Frazão Correia sj e deram o mote à mais recente conferência da ACEGE, dedicada aos “desafios da encíclica Fratelli Tutti”.

“Precisamos de um upgrade que reintroduza limites morais no mercado”

0
O impacto social da crise “veio questionar profundamente o modelo da sociedade ocidental”, e foi aí que nasceu “o terreno fértil para extremismos de...

“Todos os nossos valores saíram reforçados desta crise”, diz Salvador de Mello

0
Afirmando que, em momentos de crise, a tomada de decisão tem de ser rápida e ágil, o CEO da José de Mello Saúde assegurou que, em todas as decisões tomadas, “as pessoas foram sempre a sua principal prioridade”, de que é exemplo também a manutenção do apoio às comunidades onde estão inseridos

“A Estratégia Nacional de Combate à Corrupção poderia e deveria ir muito mais longe”

1
“Há que apostar forte numa cultura de integridade e transparência, quer no sector público, quer no sector privado”

Trabalho e futuro: uma sociedade sem rede social

1
Perante a nova configuração do trabalho que a 4ª Revolução Industrial está a impor, importa atentar na “gestão do risco próprio” pela qual os...

Voz humana não amplificada, não processada e não digitalizada

0
“A arte e o belo constituem seguramente o caminho mais poderoso para dialogar e contemplar um Deus”

Rede Sociais

4,149FansCurti