Quem é João Bento, o CEO dos CTT?

“O que interessa verdadeiramente é ter um quadro moral sólido, de princípios inabaláveis, em conjunto com linhas vermelhas que não podemos ultrapassar”

Liderar para transformar segundo Santo Inácio de Loyola

“Há que ter clareza quanto ao fim, clareza quanto aos meios, clareza quanto à liberdade e clareza quanto ao que, de alguma maneira, se aceita suportar fruto dessa mesma liberdade”

“Quando encontramos o nosso propósito, estamos salvos”

Quem o afirma é o actual CEO da Sogrape, a famosa empresa de vinhos presente em mais de 120 países. Através de uma história...

Grupo Pestana ou a capacidade de “evitar a vaidade do investimento”

Foi no mais recente almoço-debate da ACEGE, e sob o tema “Liderar para transformar”, que José Theotónio falou sobre os principais desafios do seu...

“Hoje a alma é o segredo do negócio”

Se no passado o segredo era a alma do negócio, “hoje é a alma que é o segredo do negócio”. E a alma numa...

“Devemos questionarmo-nos continuamente”

A quarta geração da família Mello mantém valores transmitidos de geração em geração na gestão das empresas do Grupo José de Mello, os quais...

Trabalho e futuro: uma sociedade sem rede social

Perante a nova configuração do trabalho que a 4ª Revolução Industrial está a impor, importa atentar na “gestão do risco próprio” pela qual os...

“O empresário de valores usa critérios éticos”

O que é fundamental para integrar realmente a ética nas organizações? Para Raúl Galamba, “a primeira responsabilidade é dos líderes”, que devem “comunicar claramente...

“Precisamos de um upgrade que reintroduza limites morais no mercado”

O impacto social da crise “veio questionar profundamente o modelo da sociedade ocidental”, e foi aí que nasceu “o terreno fértil para extremismos de...

“Começam a surgir perspectivas sobre o capitalismo moral”

O debate sobre os limites morais da economia de mercado “é essencial, não para nos fecharmos à sua lógica, mas para, ponderando e discernindo,...

Maças podres, cultura e factores situacionais: o porquê e o como...

Não existe nenhuma receita mágica para erradicar os lapsos éticos, mas através de uma melhor percepção do que influencia a tomada de decisão e o comportamento das pessoas, as empresas poderão agir com base em melhores evidências para os combater

Rede Sociais

4,060FansCurti