Aprender a poupar para não sobreendividar

0
Despesismo exagerado e ausência de planeamento financeiro a longo prazo. Duas das causas para a presente crise podem resultar deste tipo de comportamento. Razão...

“Hormona do amor” aumenta performance organizacional

0
Reconhecida na comunidade científica como a “hormona do amor”, a oxitocina tem uma relação directa com a confiança, ingrediente imprescindível nas relações humanas. E,...

A evolução das espécies ou nem por isso

Tão evoluídos que somos, tão civilizados que parecemos, tão inovadores e progressistas nos consideramos e nunca a espécie humana atingiu feitos tão disruptivos como...

Défice do sono: o assassino da performance

Há várias décadas que se estuda a relação da privação do sono com a produtividade e a performance cognitiva e os resultados, se devidamente...

Indivíduo egoísta, grupo altruísta

0
No alto dos seus 82 anos, o mundialmente reconhecido biólogo Edward E. Wilson pode dar-se ao luxo de provocar desconforto e até muitos nervos...

Se a porta se fecha para sempre, há que abrir uma janela

Sheryl Sandberg, a famosa COO do Facebook, está prestes a publicar um novo livro que, de uma forma geral, não é muito diferente dos...

O oceano que divide os líderes europeus dos norte-americanos

0
O optimismo, muitas vezes desmedido, que caracteriza os executivos da América do Norte, nem sempre é bem-vindo quando os seus anfitriões são europeus, mais...

Seres humanos são intrinsecamente optimistas

0
Numa altura em que o país precisa de saber lidar com questões complexas e propensas ao pessimismo, o VER entrevistou Tali Sharot, a neurocientista...

Está na hora de fazer um reset ao seu cérebro

Na era do excesso de informação, privilegiar as pessoas que conseguem fazer múltiplas coisas em simultâneo é norma. Principalmente nos locais de trabalho, onde...

Ciber-vadiagem, preguiça ou horários laborais desajustados?

0
A produtividade no local de trabalho é tema recorrente na literatura de gestão e pesquisa académica. Mas o seu oposto – as longas horas...

“Fadiga pandémica” está a contagiar europeus

0
Estima-se que, pelo menos na Europa, cerca de metade da população esteja a padecer de "cansaço pandémico", o que se traduz igualmente na procura de menos informação sobre o vírus, menor preocupação com os riscos e menos disponibilidade para atentar aos comportamentos recomendados

Rede Sociais

4,152FansCurti