O Delphi, a Inteligência artificial e o binómio “ética + máquinas”

0
“Não nos propomos elevar a IA a uma posição de autoridade moral, mas sim investigar as questões relevantes envolvidas no campo emergente da ‘ética das máquinas’”

Diz-me qual é o teu “fudge factor” dir-te-ei quem és

“Uma das formas mais eficazes de diminuir o risco de más práticas éticas nas organizações é diminuir o fudge factor”

Vacinas: o monopólio que pode matar ou o lucro antes das pessoas

0
“Mesmo que se possa obter algum ganho com o reforço das doses da vacina, este não superará os benefícios da protecção dos não vacinados”

Decidir eticamente em contexto de incerteza: duvidar e reflectir

0
Parece-me importante explicar que embora haja uma diferença importante entre a ciência moral e a sabedoria moral, um líder ético deve ter ambas

Desligue o telemóvel e mergulhe num bom livro

0
Como habitualmente e nesta altura do ano em que tudo o que apetece é esquecer as rotinas e azáfamas habituais, o VER seleccionou um...

As emoções não podem ser diferidas. Nem no local de trabalho

É um paradoxo que fica claro no mundo das empresas: espera-se que as pessoas sejam racionais, quando falamos dos “internos” e que sejam emocionais, quando se trata de clientes ou de consumidores que é preciso conquistar

“A Estratégia Nacional de Combate à Corrupção poderia e deveria ir muito mais longe”

1
“Há que apostar forte numa cultura de integridade e transparência, quer no sector público, quer no sector privado”

Um terço dos cidadãos europeus acredita que a corrupção está a agravar-se

0
Em Portugal, 48% dos cidadãos inquiridos usaram ligações pessoais e/ou familiares para aceder a serviços públicos nos últimos 12 meses

Onde está a equidade?

Relato de uma reflexão do Fórum de Ética da Católica Porto Business School

Quando os líderes políticos e empresariais têm traços narcisistas, maquiavélicos e psicopatas

0
“O encanto de um psicopata pode suavizar os seus desvios comportamentais, fazendo dele o líder perfeito aos olhos dos seus seguidores”