Saúde mental, solidão e desesperança

    Bonjour Tristesse

    0
    “As pessoas que se sentem miseráveis no trabalho são estatisticamente mais propensas a experimentar emoções negativas do que alguém que esteja desempregado”

    Sente-se sozinho no meio da sua equipa?

    0
    Embora a solidão seja frequentemente considerada como uma questão pessoal, é também uma preocupante questão organizacional

    Como inverter o isolamento num mundo cada vez mais fragmentado

    0
    “Não é tanto estarmos a ser deixados para trás, mas sim deixados de fora”

    Programa Nacional para a Saúde Mental de olhos postos no futuro

    “Pela sua natural imaturidade, crianças e jovens são particularmente vulneráveis a fatores de risco em saúde mental, o que os coloca na necessidade dos cuidados e da proteção por parte dos adultos próximos e das estruturas”

    Saúde mental das crianças e jovens: a ponta de um icebergue há muito ignorado

    Apesar da procura de respostas que promovam, protejam e cuidem da saúde mental das crianças e jovens, o investimento nesta área continua a ser insignificante

    Se empresas são feitas de pessoas, como manter ambientes de trabalho saudáveis com pessoas...

    0
    “Talvez estejamos a testemunhar a chegada de um outro tempo, no qual as empresas precisam de voltar a olhar para seus colaboradores a partir de uma nova perspectiva: com mais espaço para o erro e mais segurança psicológica para a vulnerabilidade”

    Promover a saúde mental das equipas é assegurar a produtividade e a continuidade do...

    0
    Dados de 2020 apontam para perdas na ordem dos 3,2 mil milhões de euros na economia, devido a quebras na produtividade relacionadas com problemas de saúde mental nas empresas portuguesas

    “Tirem-nos desta série”

    0
    “A massificação do teletrabalho tem servido para se fazer uma distinção clara entre os empregadores que têm boas políticas de gestão e bem-estar e os que não as têm”

    Crise na saúde mental: a próxima pandemia?

    0
    “Apesar de a pandemia ser, num primeiro nível, uma crise de saúde física e uma crise socioeconómica, no caso de não serem implementadas medidas em tempo útil, poderá vir a tornar-se uma grave crise de saúde mental

    Porque a saúde mental dos líderes é negócio sério

    0
    Na ânsia para gerir o melhor possível, os líderes não dão prioridade à sua saúde mental, bem-estar e resiliência, o que conduz mais facilmente a situações de burnout, “fadiga na decisão” e, mais importante ainda, à ausência de vitalidade necessária para enfrentar mais uma maratona que se avizinha

    Rede Sociais

    4,149FansCurti